Surpresa

Até que a morte os separe? Ou até que ela os una? É tentador fazer uma leitura romântica dos falecimentos destes meus antepassados de oito gerações, com intervalo de apenas alguns dias. Por uma dessas coincidências do destino, os registros acabaram ficando na mesma página do livro paroquial.

Veja os assentos e as respectivas transcrições:

annacorrea
Óbito de Anna Correa – 23/09/1738 – Vilar de Maçada , Alijó

Anna Correa, do lugar de Francelos, mulher de Leonardo Gonçalves, do mesmo lugar desta freguesia de Vilar de Maçada, faleceu com todos os sacramentos aos 23 dias do mês de setembro do ano de 1738 e foi sepultada dentro desta igreja de Vilar de Maçada e não fez testamento. E para constar fiz este era ut supra. [] Antonio [] e Brito

leonardo
Óbito de Leonardo Gonçalves – 29/09/1738 – Vilar de Maçada , Alijó

Leonardo Gonçalves, do lugar de Francelos desta freguesia de Vilar de Maçada, faleceu com todos os sacramentos aos 29 dias do mês de setembro do ano de 1738. Foi sepultado dentro da igreja e não fez testamento. E para constar fiz este era ut supra. [] Antonio [] e Brito

Esse tipo de surpresa ou coincidência não se encontra todos os dias, e é fácil fazer uma leitura romântica – o marido morreu de amor. No entanto, como a estimativa é de que não fossem idosos, o mais provável é que tenham contraído alguma doença e falecido. O fato é que talvez eu nunca descubra a razão.


José Araújo é linguista e genealogista amador.