Valongo

43 No dia 6 de abril corrente, desapareceu um moleque por nome José, nação Benguela, idade pouco mais ou menos 17 anos, com os sinais seguintes: gordo, baixo, bem retinto, com um ferro no pescoço e com três carimbos no peito que são JJS. Quem deste tiver notícia, dirija-se à Rua do Valongo nº 91 que se gratificará o seu […]

Leia Mais →

Escrava

É comum acreditar que famílias estabelecidas há séculos no Brasil tenham em sua composição genética elementos dos três grandes grupos formadores: o indígena, o europeu e o africano. Pelo mesmo raciocínio, isso não ocorreria em famílias estabelecidas mais recentemente, por volta do século XX, por exemplo, nas quais um desses elementos poderia existir de forma exclusiva – caso de minha […]

Leia Mais →

Emergência

O advogado e deputado António Júlio Pinto Ferreira foi assassinado em 27 de junho de 1867 na vila de S. João da Pesqueira em Viseu, Portugal. Não era meu ascendente direto, mas sim um primo distante. A razão para abordar seu assassinato mais uma vez não está no fato em si, mas em uma questão de onomástica.

Leia Mais →

Grupos

O iniciante na pesquisa genealógica muitas vezes fica perdido pelo desconhecimento das fontes de informações disponíveis para consulta e, quando já as conhece, diante da necessidade de interpretar o conteúdo dos documentos encontrados. Felizmente, esse iniciante tem um recurso ao qual recorrer nesses casos: os grupos de interesse específico no Facebook.

Leia Mais →

Festeiros

Ao completar 67 anos, Silvino de Azeredo reuniu em sua casa, na Rua Capitão Chaves, nº 14, um grupo expressivo de pessoas amigas da Família Azeredo e que, ao mesmo tempo, representavam, naquela comemoração festiva, algumas das principais famílias da sociedade iguaçuana da época. A foto, de 17 de junho de 1926, mostra o grupo formado durante a festa, em […]

Leia Mais →