Relato

Não sou historiador, porém a pesquisa genealógica me obriga a estudar não apenas a respeito dos períodos históricos em que viveram meus antepassados como também a respeito do fazer histórico propriamente dito – a coleta das fontes documentais, sua análise e o registro dos resultados – e da historiografia, o estudo da evolução dessa ciência. Na seção Livros apresento as obras que busquei para melhor realizar minhas análises e interpretações dos diversos registros documentais que encontro para trazer à luz a história de minha família.

Centenária

É crença comum que vivemos mais hoje porque temos à nossa disposição as maravilhas da ciência moderna. De fato, nossa vida hoje é mais confortável e estamos ainda menos sujeitos a doenças que nos séculos passados dizimavam populações. Mas nossa maior longevidade pode ser relativizada quando fazemos pesquisas por registros de nossos antepassados.

Histórias

A pesquisa genealógica é baseada em documentos, como tenho explicado em todos os textos publicados até agora. Mas ela se alimenta também de outras fontes, entre elas as histórias de família. Toda família tem as suas, que são transmitidas de geração em geração, embora nem sempre as gerações mais novas deem a elas o devido crédito. Mas deveriam dar, se considerarem que um dia poderá surgir a necessidade ou a oportunidade de obtenção de cidadania para emigração. Minha experiência tem mostrado que, infelizmente, quando essa necessidade ou oportunidade surge, os interessados não têm os documentos de seus antepassados, não sabem…