Mistérios

Na pesquisa documental, por vezes nos deparamos com coincidências e mistérios. Os dois casos abaixo ilustram essas situações. O primeiro caso foi encontrado no mais antigo registro paroquial em minha árvore de costados até este momento. Trata-se do assento de casamento de Manoel e Maria Nunes, meus antepassados de nona geração. A curiosidade está na coincidência dos nomes de suas mães, ambas […]

Leia Mais →

Horizontal

Na pesquisa para criação da árvores de costados, aquela que relaciona os antepassados diretos (avós, bisavós, trisavós, tetravós etc), o tempo é totalmente dedicado à busca dos assentos de batismo, casamento e óbito dessas pessoas. Dessa forma, procurar o assento de batismo do irmão de nosso bisavô, o que equivaleria a uma busca horizontal, pode não parecer uma estratégia interessante, pois […]

Leia Mais →

Sefarditas

Plataformas sociais como o Facebook e o Twitter costumam ser campo fértil para disseminação de lendas urbanas e informações falsas. Na segunda categoria eu encaixo as listas de sobrenomes de suposta origem judaica que dariam às pessoas que os tivessem o direito à cidadania portuguesa, conforme decisão do governo português publicada no Diário da República de 27 de fevereiro de […]

Leia Mais →

Histórias

A pesquisa genealógica é baseada em documentos, como tenho explicado em todos os textos publicados até agora. Mas ela se alimenta também de outras fontes, entre elas as histórias de família. Toda família tem as suas, que são transmitidas de geração em geração, embora nem sempre as gerações mais novas deem a elas o devido crédito. Mas deveriam dar, se […]

Leia Mais →

Pesquisa

No texto anterior, eu prometi contar como saí da “situação grave” de não ter os documentos de meus avós falecidos nem a possibilidade de obter informações de meus parentes ainda vivos – filhos de meus avós. Pois aqui vou cumprir a promessa feita. Sempre soube, por informação de meu pai, nascido no Brasil, que meus avós paternos eram portugueses de […]

Leia Mais →