Apresentação

Este blog se destina à discussão de temas e estratégias úteis para o genealogista amador, aquela pessoa que pode querer reconstruir a história de sua família pela pesquisa de seus antepassados ou apenas encontrar uma certidão de um antepassado para iniciar um processo de obtenção de cidadania. O foco de minha pesquisa é o eixo Brasil-Portugal, mas algumas dicas poderão ser úteis para outras regiões. Assine o site preenchendo o campo na parte superior da coluna à direita com seu e-mail. Dessa forma você receberá avisos de novas publicações quando elas estiverem disponíveis no blog. Não enviaremos propaganda ou spam.

Alfaiate

“Quase não há diferença entre uma e outra fábrica. Desde o Jardim Botânico até Paracambi, e desde Bangu até Petrópolis, em toda parte sente-se a mesma escravidão, idênticos são os sofrimentos do trabalho rude e da vida miserável”. – Pelas Fábricas de Tecidos, In: 1911, A Guerra Social, periódico anarquista, citado por Carlos Augusto Addor.

Desinformação

Há alguns dias assisti a uma entrevista de um ator brasileiro que vive hoje em Portugal na qual ele discorria sobre suas preocupações a respeito da situação brasileira após o resultado das eleições de 2018. Nessa entrevista, entre outras afirmações, o ator declarou que a Europa não havia tido escravidão dentro de suas fronteiras. Ledo engano.

Memória

Não me canso de repetir que toda família deveria se preocupar em guardar cartas, diários, fotografias e relatos orais para a posteridade. Mais do que servir apenas a fins práticos como a busca de cidadania estrangeira, essa atitude ajuda a preservar  a memória da família, que julgo ser um bem imaterial dos mais valiosos.  

Acadêmicos

O Google é uma ferramenta útil para o genealogista amador que não tem ideia por onde começar suas pesquisas. Essa ferramenta, no entanto, pode exigir o conhecimento de algumas estratégias mais sofisticadas para que a busca resulte satisfatória. Uma dessas estratégias é a busca por arquivo específico. Por meio dela, é possível indicar para a ferramenta que as informações desejadas devem estar contidas em certo tipo de arquivo.

Floresta

Por vezes nos deparamos com a registos de pessoas que acreditamos serem nossos parentes, porém inexistem provas documentais suficientes para termos essa certeza. Nesses casos, uma estratégia possível é a criação de uma árvore genealógica provisória em um sítio como o MyHeritage.

Autossômico

Os testes de DNA disponíveis para o público leigo são ferramentas auxiliares para a pesquisa da genealogia, porém os resultados que apresentam precisam ser bem entendidos para evitar conclusões equivocadas. Já tratei aqui dos testes de herança paterna – que analisam a herança pelo cromossomo Y- e materna – que analisam a herança pelo DNA mitocondrial. Os testes de DNA autossômico (atDNA), diferentemente dos anteriores, analisam traços de ambos os lados.

Datação

Por vezes, ao organizarmos os arquivos de família, encontramos fotografias antigas sem dedicatória ou outro tipo de informação que permita uma datação objetiva. Tenho algumas assim. Nesses casos, é preciso recorrer a métodos indiretos para estimar a data do registo.